v. 3 n. 1 (2021): DOSSIÊ ATUAÇÃO CÊNICA CONTEMPORÂNEA BRASILEIRA e VARIA

Anna Engelhardt (Nina Hard) - Colagem ca, 1960., Col. part.

       Este dossiê foi organizado no contexto de uma atividade de ensino de pós-graduação cujo eixo foi a tentativa de combinação de três ideias para refletir sobre práticas criativas contemporâneas no território das Artes Vivas considerando a atuação cênica como ponto de partida. Estas ideias se referem à perspectiva de que um olhar contemporâneo é aquele que enfrenta o desafio de se deslocar do estabelecido como norma do tempo (Giorgio Agamben); à hipótese do acontecimento como meta da experiência da atuação; e ao desejo de que sempre brilharão as luzes das pessoas que resistem, como vagalumes que insistem no breu da noite (Georges Didi-Huberman)

        Durante as aulas da disciplina Espacialidades e Teatralidades no Programa de Pós-Graduação em Teatro da Universidade do Estado de Santa Catarina realizamos uma reflexão centrada de atuação cênica considerando a ideia de contemporaneidade proposta por Giorgio Agamben. Nosso principal objeto de estudos foram práticas brasileiras de atuação cênica, mas avançamos imediatamente para o campo das Artes Vivas, fugindo inclusive da dicotomia teatro ou performance.

 

Publicado: 2021-08-03

DOSSIÊ COMPLETO

ARTIGOS DO DOSSIÊ