Needs of the Relatives of Patients Hospitalized in an Intensive Therapy Unit / Necessidades de Familiares de Pacientes Internados em Unidade de Terapia Intensiva

Main Article Content

Vanessa Carla Batista
Lorenna Viccentine Monteschio
Fernando José de Godoy
Herbert Leopoldo de Freitas Góes
Sonia Silva Marcon
Laura Misue Matsuda

Resumo

Objetivo: Identificar as necessidades dos familiares de pessoas internadas em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no interior do Estado do Paraná. Método: Os dados foram coletados no período de maio à setembro de 2017, por meio da aplicação do Inventário de Necessidades e Estressores de Familiares em Terapia Intensiva (INEFTI) a 55 familiares. Realizado análise descritiva e inferencial. Resultados: As necessidades mais valorizadas foram as relacionadas com informação, segurança em saber que o familiar está recebendo o melhor tratamento e de ter acesso/possibilidade de poder conversar com o médico no momento da visita. Conclusão: Conhecer as necessidades dos familiares se faz como uma importante ferramenta de avaliação dos aspectos relacionados ao cuidado prestado e fornece subsídios para implementação de ações que garantam melhor qualidade da assistência ao paciente e a família.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Como Citar
1.
Batista VC, Monteschio LV, Godoy FJ de, de Freitas Góes HL, Marcon SS, Matsuda LM. Needs of the Relatives of Patients Hospitalized in an Intensive Therapy Unit / Necessidades de Familiares de Pacientes Internados em Unidade de Terapia Intensiva. R. pesq. cuid. fundam. online [Internet]. 21º de janeiro de 2019 [citado 15º de agosto de 2022];11(2):540-6. Disponível em: http://www.seer.unirio.br/cuidadofundamental/article/view/7110
Seção
Research
Biografia do Autor

Vanessa Carla Batista, Universidade Estadual De Maringá

Vanessa Carla Batista - Enfermeira. Mestranda pelo Programa de Pós-graduação em Enfermagem, Universidade Estadual de Maringá – UEM, Maringá (PR), Brasil. E-mail: vane.vcb@hotmail.com

 

 

 

Lorenna Viccentine Monteschio, Universidade Estadual de Maringá - UEM.

Enfermeira. Doutoranda pelo Programa de Pós-graduação em Enfermagem, Universidade Estadual de Maringá – UEM, Maringá (PR), Brasil.

Fernando José de Godoy, Hospital Santa Casa de Maringá.

Enfermeiro do Pronto Atendimento do Hospital Santa Casa de Maringá.

Herbert Leopoldo de Freitas Góes, Universidade Estadual de Maringá - UEM.

Herbert Leopoldo de Freitas Góes - Doutor em Enfermagem. Docente do Departamento de Enfermagem da UEM. Maringá, Paraná, Brasil. 

Sonia Silva Marcon, Universidade Estadual de Maringá - UEM.

Enfermeira. Doutora em Filosofia da Enfermagem. Professora da Graduação e Pós-graduação em Enfermagem na Universidade Estadual de Maringá - UEM.

Laura Misue Matsuda, Universidade Estadual de Maringá - UEM.

Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Docente do Departamento de Enfermagem da UEM. Maringá, Paraná, Brasil.

Plum Analytics

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>