Adherence of Elderly People to Tuberculosis Treatment / Adesão dos Idosos às Formas de Administração do Tratamento da Tuberculose

Main Article Content

Izaura Luzia Silvério Freire
http://orcid.org/0000-0002-2687-5759
Fernanda Rafaela dos Santos
http://orcid.org/0000-0002-6538-9411
Luzia Clara Cunha de Menezes
http://orcid.org/0000-0001-5145-027X
Anderson Brito de Medeiros
http://orcid.org/0000-0002-2064-3076
Rejane Ferreira de Lima
http://orcid.org/0000-0002-3341-7502
Bárbara Coeli Oliveira da Silva
http://orcid.org/0000-0002-2933-0930

Resumo

Objetivo: Conhecer a adesão dos idosos às formas de administração do tratamento da tuberculose. Métodos: Estudo exploratório-descritivo, transversal e quantitativo, desenvolvido no Distrito Sanitário Oeste de Natal, com os idosos que fizeram tratamento entre janeiro de 2010 a dezembro de 2015. Resultados: Observou-se que os idosos utilizam tanto o regime autoadministrado (51,1%) quanto o diretamente observado (48,9%). Em ambos os grupos prevaleceu a faixa etária de 60 a 69 anos (29,8%; 35,1%), a forma pulmonar da doença (41,5%; 44,7%) e o caso novo como tipo de entrada para o tratamento (31,9%; 27,7%). Quanto ao encerramento, destacou-se a conclusão do tratamento (33,0%; 25,5%). Conclusão: A tuberculose ainda é prevalente no Brasil, destacando-se a importância do diagnóstico e tratamento adequados, além da adoção de medidas de controle e capacitação dos profissionais de saúde frente ao cuidado desses pacientes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Como Citar
1.
Freire ILS, Santos FR dos, Menezes LCC de, Medeiros AB de, Lima RF de, Silva BCO da. Adherence of Elderly People to Tuberculosis Treatment / Adesão dos Idosos às Formas de Administração do Tratamento da Tuberculose. R. pesq. cuid. fundam. online [Internet]. 14º de fevereiro de 2020 [citado 28º de setembro de 2022];11(3):555-9. Disponível em: http://www.seer.unirio.br/cuidadofundamental/article/view/6493
Seção
Research
Biografia do Autor

Izaura Luzia Silvério Freire, Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Professora da Escola de Saúde da Universidade Federal do Rio Grande Norte.

Fernanda Rafaela dos Santos, Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Discente do Curso de Graduação em Enfermagem da Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Luzia Clara Cunha de Menezes, Maternidade Escola Januário Cicco.

Enfermeira. Mestra em Gestão da Qualidade em Serviços de Saúde. Enfermeira da Maternidade Escola Januário Cicco.

Anderson Brito de Medeiros, Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Enfermeiro. Mestrando em Enfermagem da Universidade Federal do Rio Grande Norte.

Rejane Ferreira de Lima, Maternidade Escola Januário Cicco.

Enfermeira. Especialista em Terapia Intensiva em Enfermagem. Enfermeira da Maternidade Escola Januário Cicco.

Bárbara Coeli Oliveira da Silva, Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Enfermeira. Doutoranda em Enfermagem da Universidade Federal do Rio Grande Norte.

Plum Analytics

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)