O que os pacientes psiquiátricos pensam sobre parar de fumar? What do the psychiatric patients think about stop smoking?

Main Article Content

Renata Marques Oliveira
Antonia Regina Ferreira Furegato

Resumo

Objetivo: Investigar a opinião de pacientes psiquiátricos sobre o melhor momento para tentarem parar de fumar, o que poderia ajudá-los e o conhecimento sobre os malefícios do tabaco. Método: Estudo exploratório com 96 fumantes, internados em psiquiatria. Entrevistas com questões abertas e teste de dependência nicotínica. Estatística descritiva e análise temática. Resultados: O melhor momento para parar de fumar divide opiniões: quando o transtorno mental está controlado, quando algo importante acontece e durante a internação. Para alguns, basta decidir parar, independente de momento. Pacientes relataram incentivo dos profissionais para continuarem fumando. Embora os malefícios sejam conhecidos, mecanismos psicológicos (negação/racionalização) interferem na decisão de parar. Conclusão: O tratamento do tabagismo deve ser integrado entre os serviços de saúde e conduzido por equipe multiprofissional, respeitando-se o momento de cada paciente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Como Citar
1.
Oliveira RM, Furegato ARF. O que os pacientes psiquiátricos pensam sobre parar de fumar? What do the psychiatric patients think about stop smoking?. R. pesq. cuid. fundam. online [Internet]. 11º de abril de 2017 [citado 28º de junho de 2022];9(2):441-50. Disponível em: http://www.seer.unirio.br/cuidadofundamental/article/view/5435
Seção
Research
Biografia do Autor

Renata Marques Oliveira, Universidade de São Paulo (USP)

Enfermeira. Mestre em Ciências pelo Programa de Enfermagem Psiquiátrica da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto (EERP-USP).

Antonia Regina Ferreira Furegato, Universidade de São Paulo

Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Professora Titular Sênior do Departamento de Enfermagme Psiquiátrica e Ciências Humanas da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto (EERP-USP).

Plum Analytics