Síndrome de burnout em profissionais de enfermagem de uma unidade de terapia intensiva Burnout syndrome in nursing professionals from an intensive care unit

Main Article Content

Larissa Santi Fernandes
Maria José Trevizani Nitsche
Ilda de Godoy

Resumo

Objetivo: Avaliar o nível da Síndrome de burnout nos profissionais de Enfermagem na Unidade de Terapia Intensiva. Metodologia: Estudo quantitativo e transversal, realizado com 47 profissionais de Enfermagem que trabalham na Unidade de Terapia Intensiva de um hospital publico de alta complexidade, no período de Abril a Outubro de 2012. Utilizou-se um questionário estruturado autoaplicável acrescido do Maslach Burnout Inventory, analizou-se por regressão logística pelo teste de Wald. Resultado: 74,5% dos profissionais obtiveram um alto nível para exaustão, 93,7% baixo nível para realização profissional e 93,7% alto nível para despersonalização. Considerações finais: O ambiente intensivista é propício para o desenvolvimento da Síndrome.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Como Citar
1.
Fernandes LS, Nitsche MJT, Godoy I de. Síndrome de burnout em profissionais de enfermagem de uma unidade de terapia intensiva Burnout syndrome in nursing professionals from an intensive care unit. R. pesq. cuid. fundam. online [Internet]. 11º de abril de 2017 [citado 28º de junho de 2022];9(2):551-7. Disponível em: http://www.seer.unirio.br/cuidadofundamental/article/view/4199
Seção
Systematic Review of Literature

Plum Analytics